Banner Topo Grande Teste

Mr. Catra aceitou Jesus antes de morrer, garante filha do funkeiro
10/09/2018 19:52 em Mundo Cristão

Wagner Domingues Costa, o funkeiro Mr. Catra, faleceu neste domingo (9), vítima de um câncer gástrico. Ele deixou três companheiras, 32 filhos e quatro netos. Uma de suas filhas, Thamara Oliveira Domingues, que é pastora, usou sua conta no Facebook para dar um testemunho sobre as últimas horas de vida do cantor.

Após ter vivido uma vida desregrada, Wagner aceitou Jesus no leito do hospital. “Hoje eu quero testemunhar para aqueles que acreditam em milagres e no poder de Deus”, escreveu a jovem. Explicando que “clamava incessantemente” pela conversão do pai, Thamara comemorou a decisão de Catra no dia 25 de agosto, quando “no leito ele levantou as suas mãos e reconheceu Jesus como seu único e suficiente Salvador”.

Ela aproveitou para convidar os seus seguidores na rede social a fazerem o mesmo. Em menos de 24 horas a publicação já passava de 5 mil compartilhamentos, gerando mais de 11 mil reações. Os comentários mostram que a maioria das pessoas ficaram felizes pela notícia, embora uma minoria tentou ridicularizar o testemunho, lembrando da vida pregressa do funkeiro.

Ainda segundo Thamara, “Uma alegria muito grande, a alegria da Salvação, a cura eterna, a paz que excede todo entendimento. O meu Deus é um paizinho bondoso e amoroso que deseja ter um relacionamento íntimo não só com ele, mas com muitos de vocês também”. Explicou ainda que havia cristãos orando 24 horas por dia pela vida de Catra, num “relógio de oração”.

O testemunho da pastora dá conta ainda que o câncer não foi castigo, como alguns internautas sugeriram. “O Senhor não o castigou, mas permitiu que ele passasse por isso e se apresentou a ele, e ele abriu seu coração e o Senhor entrou, mostrou seu amor e cuidado, revelou que sempre quis esse relacionamento íntimo entre pai e filho”.

Fonte: Jarbas Aragão

COMENTÁRIOS
PUBLICIDADE